sábado, 3 de março de 2012

Superando Provações do Inimigo para Adorar a DEUS

Autor: Robson Lelles

"Portanto deu ordem Faraó, naquele mesmo dia, aos exatores do povo, e aos seus oficiais, dizendo: Daqui em diante não torneis a dar palha ao povo, para fazer tijolos, como fizestes antes: vão eles mesmos, e colham palha para si. E lhes imporeis a conta dos tijolos que fizeram antes; nada diminuireis dela, porque eles estão ociosos; por isso clamam, dizendo: Vamos, sacrifiquemos ao nosso Deus. Agrave-se o serviço sobre estes homens, para que se ocupem nele e não confiem em palavras mentirosas. Então saíram os exatores do povo, e seus oficiais, e falaram ao povo, dizendo: Assim diz Faraó: Eu não vos darei palha; ide vós mesmos, e tomai vós palha onde a achardes; porque nada se diminuirá de vosso serviço."

1. Adoração a DEUS irrita o inimigo: O Éden

a. O privilégio que DEUS deu ao homem – intimidade com Ele – irritou o inimigo. "Como pode uma criatura material ter esse nível de intimidade com o DEUS que é sobre todos?" deve ter sido seu pensamento.

b. Como criatura espiritual privilegiada, o inimigo deseja para si a adoração dos homens. Uma vez que DEUS concedeu acesso direto ao homem no Éden, o inimigo se viu ferido em seu orgulho, e por isso passou a tramar contra o homem.

c. A nossa atual condição – imperfeita, falível – não fazia parte do plano original de DEUS. Ele quer nos reconduzir à nossa condição original, segundo a Sua vontade, que é algo que homem algum consegue conceber. Está escrito: "Vinde vós, benditos de meu Pai, possuir por herança o Reino que está preparado desde a fundação do mundo" (Mt 25.34). Está tudo pronto, esperando por aqueles que buscarem a DEUS em espírito e em verdade. Quem se habilita?

2. Adoração a DEUS irrita o inimigo: O Egito.

a. Quando o homem imperfeito que somos insiste em buscar a DEUS, o inimigo passa a utilizar de todos os meios para nos fazer desistir. Um desses meios é nos afligir nos afazeres diários, conforme aconteceu quando o povo hebreu, liderado por Moisés, pediu que fossem liberados para sacrificar a DEUS (Ex 5:1-2).

b. No coração de Faraó estavam as obras terrenas, que glorificavam à sua pessoa. Para os egípcios, Faraó era um deus. Por isso, o pedido de Moisés soou tão ofensivo: "Quem é esse DEUS que interfere nas obras do deus egípcio?" O orgulho ferido de Faraó abriu a brecha que o inimigo precisava para agir. Quem dá mais valor às obras terrenas do que à obra de DEUS, acaba, mesmo que inconscientemente, legitimando a ação do inimigo.

c. No v.8 temos a reação de Faraó: "Se querem sacrificar ao seu DEUS, então é porque estão ociosos; estão com tempo livre para pensar na obra de outro deus que não Faraó! Que seja, então, dobrada a sua carga de trabalho!" E os egípcios deixaram de fornecer palha aos hebreus para queimar seus tijolos...

d. Essa é uma manobra sutil: o povo continuava a ter que atingir a mesma META em quantidade de tijolos, porém lhes foi adicionada a carga de terem de buscar palha para queimar os tijolos. Havia porém um detalhe: os egípcios sabiam onde conseguir palha, o povo hebreu, não! Essa palha provavelmente vinha de fora, de longe. Agora, para fazer a mesma quantidade de tijolos, o povo hebreu gastaria mais tempo e mais esforço. Não bastou ao inimigo demandar mais trabalho pelo mesmo resultado: ele precisava tornar o trabalho impossível!

e. Como não tinha onde conseguir palha, o povo hebreu teve uma solução criativa e ecológica: em vez de palha, passou a utilizar restolho, lixo que podia ser queimado. Apesar de livrar os egípcios de boa parte de seu lixo, ainda assim, os hebreus não conseguiram resolver o problema do TEMPO necessário para recolher o restolho para produzir a mesma quantidade de tijolos.

f. Hoje, a jornada de trabalho de um assalariado é a mesma da época da promulgação da CLT: 8 horas/dia, 5 dias/semana. Caso o patrão precise que o empregado trabalhe mais, paga então um valor maior pela hora-extra. Se é no domingo então, o valor é DOBRADO.

g. No entanto, o que se tem visto são empresas que demandam de seus empregados jornadas de 12, 14 horas/dia, mas só pagam pelas 8 horas normais! Mais produção com mais esforço, pelo mesmo salário. O que há em comum entre os hebreus escravos no Egito e os assalariados de hoje? Simples: ambos são roubados no seu tempo, seu descanso, seu repouso. Não resta sequer tempo para cuidar da obra de DEUS.

h. Em todas as circunstâncias de nossas vidas, o inimigo sempre buscará nos roubar tempo e esforço que deveriam ser dedicados à adoração a DEUS. É preciso atentarmos para isso!

3. Adoração a DEUS irrita o inimigo: Hoje em Dia.

a. Os serviços de TV por assinatura nos proporcionam 140 canais para nos manter imóveis por horas diante de uma tela, destilando emoções que não levam a lugar algum. Deveríamos assistir sim, mas num outro sentido para o verbo assistir: assistir no sentido de ajudar:

* Assistir a quem precisa de alimento;
* Assistir a quem precisa de abrigo;
* Assistir a quem precisa de amor;
* Assistir a quem precisa encontrar o caminho da salvação.

b. Em vez disso, não é difícil encontrar pessoas que freqüentam igrejas, preocupadas com o programa que vai passar na TV logo após o culto. Seria bom que essas pessoas entendessem que as paredes do templo não são garantia de salvação. O templo não é um lugar para onde eu vou, permaneço por duas horas no domingo, tomando uma transfusão de Espírito Santo na veia e recebo imunidade para uma semana no mundo. Fora do templo, essas pessoas não têm tempo para mais nada!

c. Não podemos permitir que estratégias do inimigo venham nos roubar templo precioso, que deveria ser dedicado à recuperação de almas que estão perdidas lá, fora do portão da igreja, pois é isso que ele quer: que estejamos tão ocupados com as coisas do mundo, que não tenhamos tempo para adorar ao DEUS de todas as coisas: Eu preciso desse tempo para adorar a DEUS e não posso abrir mão dele!

d. Se eu não ajunto com DEUS, eu espalho! Se eu não estou com DEUS, estou contra DEUS! Se eu não cumpro o "Ide" de Jesus, eu contribuo para a obra do inimigo com essa minha omissão! Se eu então não estou com DEUS, o que posso esperar d'Ele?

e. Mas como posso saber onde o inimigo vai atacar? Basta olhar para o que é a sua vida hoje:

* Como anda a sua disponibilidade para a obra de DEUS?
* Ela tem se resumido a freqüentar cultos?

Pois saiba então que você está realizando o sentido contrário do significado da palavra "igreja" (/ecclesia/ em grego, significa "ir para fora").

f. Se eu não uso as oportunidades que surgem ao longo do dia para falar de DEUS a quem precisa, eu não sou igreja! Se eu permito que o inimigo roube o meu tempo de falar com DEUS e também o meu tempo de falar SOBRE DEUS, eu deixo brechas para que pessoas mal orientadas espalhem falsas doutrinas e, com isso, desencaminhem outras pessoas. Quantas pessoas passaram a freqüentar reuniões espíritas depois que a novela "A Viagem" teve sua reprise programada na TV à tarde? Esse é justamente o horário em que as donas de casa fazem uma pequena pausa no trabalho, antes de retomarem as tarefas da tarde e da noite. Nessa hora, o que acontece nas igrejas? Um culto voltado às donas de casa? Aquelas que não podem vir à igreja aos domingos, porque o seu marido não crente a ocupa com afazeres outros, estas certamente agradeceriam por essa consideração das igrejas. No entanto, a esmagadora maioria delas está fechada, enquanto o inimigo está ativo, inoculando seu veneno mentiroso nas mães de nossos filhos!

g. O inimigo fará valer toda oportunidade que encontrar para encher os seus dias com tarefas e mais tarefas, que não lhe trarão benefício algum, exceto aquela frase tão batida: "Puxa, tive um dia cheio!" Cheio de restolho, onde sequer consegui fabricar os tijolos que precisava!

h. Quando o inimigo tentar nos ocupar, fazendo-nos catar restolho, iremos então de casa em casa, falando de DEUS e todo Seu maravilhoso plano de salvação a todo aquele que estiver no caminho. Enquanto catamos restolho para queimar os tijolos, anunciaremos a Boa Nova de Jesus Cristo a todos pelo caminho e, no caminho da volta, colheremos o que plantamos na ida.

i. Semear é opcional; colher é obrigatório. Semeie a boa semente e a sua colheita só lhe trará alegrias!

Nenhum comentário:

Postar um comentário