segunda-feira, 23 de janeiro de 2012

As rosas nascem em botões, desabrocham em flores lindas e morrem murchas e secas. Por que elas têm que morrer meu Deus?

4 comentários:

  1. Porque as rosas não são eternas. Rs...

    ResponderExcluir
  2. É o maravilhoso ciclo da vida, não? Imaginemos que as rosas nunca morressem. Se fosse assim, das duas uma: ou nós curtiríamos sempre a mesma rosa, ou todos os dias nasceriam rosas que nunca morreriam e, aí, alguém lhe daria um buquê de rosas e nunca mais daria outro. Pior: o mundo seria um roseiral só, e tantas seriam as rosas que, talvez, nem parássemos para apreciar o seu perfume e beleza e, muito menos, para dedicar uma linda postagem em homenagem a ela e um despretensioso comentário como este. rsrsrs. Parabéns pelo blog. Se quiser retribuir a visita, www.pauloporpaulopnd.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. É que na verdade, eu usei as rosas como metáfora... Vou visitar seu blog. Muito obrigada pela atenção.

    ResponderExcluir